quinta-feira, 1 de março de 2012

Força da Paixão


(Por Li Barbosa)
Não quer saber da circunstância
Para a paixão a razão não tem importância
Quer apenas viver os instantes
No calor de dois amantes...

Invadi o coração
Desatina a razão
Traz a sedução
É à força da Paixão

Lutar já não dá mais...
Procuro-te em todo lugar
Meu coração só quer te amar
E não deixar-te jamais...

Cala minha boca com teus beijos
Aqueça–me em teu corpo
Sussurra em meus ouvidos
Palavras de amor... Mata-me de desejos...

Embriaga-me de amor
Traga-me teu Calor
Sacia essa paixão
Que invadiu meu coração.

Leva-me para o teu ninho...
Quero beber o cálice do prazer
Embriagar-me de paixão
Transbordar-te de amor e carinho.